Auxiliar em Saúde Bucal


Em Aracaju, Associação Brasileira de Odontologia realiza cursos com frequência semestral

Com média salarial no Brasil de R$ 1.088,27, profissão possui demanda no mercado de trabalho

Regulamentada em 24 de dezembro de 2008, pela Lei 11.889, a profissão de Auxiliar em Saúde Bucal – ASB – destaca um importante trabalho realizado em consultórios odontológicos, auxiliando cirurgiões-dentistas ou técnicos em saúde bucal.
“Estes profissionais são de extrema importância. Considero-os como “braço direito do cirurgião-dentista”, pois auxiliam nos procedimentos clínicos e administrativos do consultório tornando o atendimento adequado com as normas de biossegurança, ou seja, mais eficaz e seguro, além da otimização do tempo”, considera a cirurgiã-dentista Aline Aragão Pereira Macedo.
Mirella Cruz Nascimento Borges era atendente de consultório odontológico quando lá mesmo despertou o interesse em fazer um curso profissionalizante para trabalhar como Auxiliar em Saúde Bucal. “A profissão de ASB me conquistou com o contato direto com os pacientes, a forma como cuidamos de cada um deles”, destaca a auxiliar, após já ter concluído o curso.

PERSPECTIVA
Com média salarial no Brasil de R$ 1.088,27, as remunerações para a função de ASB variam de R$ 984 a R$ 1.340, sendo geralmente salário mínimo e adicionais, como insalubridade.
A cirurgiã-dentista Aline Aragão conta que a demanda pelos Auxiliares em Saúde Bucal existe tanto no setor privado, em consultórios particulares, quanto no setor público, nas Clinicas de Saúde da Família e nos Centro de Especialidades Odontológicas e Hospitais.
“A Odontologia passa por um momento de modificações com adequação de novas especialidades, como a atenção hospitalar, surgimento e liberação de novos procedimentos na área estética e cirúrgica. Então, é um setor em constante crescimento. Mesmo com a crise, o número de profissionais atuantes na área continua aumentando, devido ao crescente número de vagas ofertadas pelas universidades e pela demanda constante por tratamentos odontológicos, e a consequente necessidade de ter um profissional que auxilie nas rotinas do consultório”.

ATRIBUIÇÕES
A cirurgiã-dentista Aline Aragão é também coordenadora do Curso de Capacitação em ASB da Associação Brasileira de Odontologia/Seção Sergipe – ABO/SE – e conta quais são as principais funções desenvolvidas pelo Auxiliar em Saúde Bucal.
“Entre suas atribuições podemos citar: executar limpeza, assepsia, desinfecção e esterilização do instrumental, equipamentos odontológicos e do ambiente de trabalho; organizar instrumentais e materiais necessários; instrumentalizar e auxiliar o cirurgião dentista; preparar o paciente para o atendimento; conservar os equipamentos odontológicos; organizar a agenda; gerenciar insumos para o funcionamento do consultório; orientar sobre saúdebucal. Lembrando que todas as atividades devem ser supervisionadas”, explica.

CAPACITAÇÃO
Só podem exercer a profissão os portadores de diplomas ou certificados que atendam às normas do Conselho Federal de Educação e Conselho Federal de Odontologia. Para os sergipanos que tem interesse em se tornar um Auxiliar em Saúde Bucal, a Associação Brasileira de Odontologia – ABO/SE – realiza cursos com frequência semestral. Para fazer o curso, é necessário ter o ensino fundamental completo.
“No curso temos uma noção imensa de como agir nas funções da área de trabalho, dúvidas que precisam ser tiradas antes de utilizar os serviços de um ASB, pois estamos lidando com vidas e qualquer erro pode se tornar grave. Aprendemos um pouco mais do que utilizamos, mas todo conhecimento é proveitoso”, conta a auxiliar em saúdebucal Mirella Cruz.
“Temos duas turmas por ano. O curso apresenta quatro módulos sendo teórico-prático com carga horária de 300 horas ocorrendo quinzenalmente, duas vezes na semana, no período noturno. Estão abertas as inscrições para o curso que terá início imediato em 3 de julho próximo. Interessados podem ligar – 79 3211-2177 / 3214-4640 – ou procurar ABO/SE na Avenida Gonçalo Prado Rollemberg, 404, Bairro São José, em Aracaju”, informa a ministrante do curso e cirurgiã-dentista Aline Aragão.

Previous NO ALTO DO TAMANDARÉ
Next Quer conhecer o Argo?

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *