Externato precisa de doações para continuar aberto


Número de matriculados já chegou a 150; hoje são 46 (Foto: Arquivo Pessoal)

Fim de parceria com financiadora pôs em risco entidade com 54 anos de serviço

Com mais de 50 anos de serviços prestados a crianças e famílias, o Externato São Francisco de Assis vem passando por dificuldades financeiras. Com a falência de sua principal empresa apoiadora e consequente quebra de parceria, a entidade precisou cortar gastos em todas as frentes. Agora, o Externato conta com o apoio da população para se manter de portas abertas.

Entidade beneficia crianças de 4 e 5 anos (Foto: Arquivo Pessoal)

A instituição já chegou a atender 150 crianças. Hoje, com um quadro de funcionários e voluntários bastante reduzido, são apenas 46 crianças matriculadas e duas turmas em funcionamento. Atualmente, o Externato se dedica à Educação Infantil, com estudantes entre 4 e 5 anos, além de oferecer um curso de artesanato voltado à geração de renda para senhoras da comunidade.

O programa mantido anteriormente pela empresa parceira bancava boa parte dos salários dos educadores, funcionários e das despesas materias. “Tínhamos nutricionista, psicólogo, assistente social, educador físico. Agora, nossa equipe está reduzida a duas professoras, uma cozinheira, um auxiliar de serviços gerais e às irmãs, que não recebem salário”, explica a coordenadora do Externato, irmã Leidiana Bezerra de Lima.

 

ESTRUTURA

O espaço físico do Externato conta com diversas salas, refeitório, dormitório e áreas de circulação livre. Para manter o local e as atividades, a equipe necessita de material didático, materiais de limpeza e alimentos, além de recursos em caixa para o pagamento de funcionários e contas. Segundo a irmã Leidiana, desde o fim do ano passado que a instituição vem promovendo alguns cortes.

O estímulo da entidade é para que aqueles que se sentirem sensibilizados, tornem-se sócios-colaboradores, pagando mensalmente um carnê. “Cada um doa o que pode, de acordo com sua condição. Também é possível vir até o Externato e trazer sua doação pessoalmente, aproveitando para conhecer o espaço, as crianças e nosso trabalho”, diz.

A coordenadora ressalta que o Externato não está promovendo campanhas nas ruas ou em frente a casas comerciais. “Se alguém está fazendo isso, não é enviado por nós. Infelizmente, há quem use o nome da instituição de má fé. O ideal é que a pessoa venha ao Externato não só para fazer uma doação material, mas também para doar o seu tempo”, afirma.

Para doar ou saber mais informações, seguem dados e contatos: no Banese, agência 014 e conta corrente 03.101.146-0. No Banco do Brasil, agência 3361-8 e conta corrente 411.469-8. O telefone é (79) 3224 3509, e o e-mail, esfaaracaju@gmail.com. O Externato fica na Avenida Edézio Vieira de Melo, número 585, Bairro Suíssa. Acesse também o site: www.externatosaofrancisco.com.br.

Anterior Os ‘ensinamentos’ do Capelão
Próximo CINFORMANDO