Por amor? Mulheres tentam levar droga para maridos em presídio e são presas


Foto divulgação: SSP/SE.

Caso aconteceu no município de Tobias Barreto

Parece novela, mas é realidade. Mulheres ainda continuam atendendo a pedidos ilícitos de maridos presidiários. A história se repetiu com Gardênia dos Santos, Valéria Santos e Aline Santana, na madrugada deste sábado, 19. As três foram presas acusadas de posse de drogas no município de Tobias Barreto, no agreste sergipano.

A ação da polícia partiu de uma denúncia recebida que informa que mulheres estariam levando drogas para os maridos detentos. A partir daí, começaram as abordagens a veículos e pessoas no trecho da rodovia SE 170, que liga Riachão do Dantas a Tobias Barreto. As suspeitas se encontravam próximo ao povoado Pau de Colher, com elas estava aproximadamente meio quilo de maconha.

Gardênia e Valéria confessaram que a droga é para os maridos, porém Aline Santana disse que o entorpecente era para consumo próprio. Ambas foram encaminhadas à Delegacia de Tobias Barreto.

Previous Indústria se beneficia de incentivos fiscais mas não produz em Sergipe
Next Smart TV de 55 polegadas por R$ 279,90. Erro no anúncio