Caso Madeleine 10 anos


Caso Madeleine permanece um mistério /BBC

Análise inconclusiva e novas frentes de trabalho. Investigadores querem mais dinheiro

O caso da menina Madeleine McCann continua um mistério e intriga o mundo inteiro. 10 anos após se tornar público e levar a buscas incessantes, o sumiço intriga investigadores que agora pedem mais dinheiro para tentar “ última linha de investigação”.

De acordo com informações da Sky News, a Scotland Yard vai pedir mais dinheiro para concluir as investigações e ao que demonstra, o governo inglês está disposto a colaborar para que tudo seja concluído e esclarecido. Segundo a Scotland, o financiamento para os trabalhos investigativos termina em setembro.

Até o momento já foram gastos mais de 11 milhões de libras no caso. Várias pistas foram oferecidas sobre o paradeiro de Madeleine, mas nada conclusivo e concreto.

RELEMBRE O FATO

Na noite do dia 03 de maio de 2007, a família McCann deixou a Inglaterra para passar férias em um resort na Praia da Luz, Algarve, Portugal. Na época, a menina Madeleine, com quatro anos, foi deixada em um quarto, enquanto os pais saiam para jantar. Ao retornarem para o Resort, não mais encontraram a filha.

Nas primeiras horas após o desaparecimento, uma das primeiras linhas investigativas sugeriam que uma rede de pedofilia estaria por trás do caso e levado Madeleine para o Marrocos. Em outra análise, a hipótese é que os próprios pais da menina teriam dados sedativos para que ela dormisse, enquanto eles saiam e isso teria ocasionado um efeito colateral grave, ocasionando a morte.

 

 

Anterior Oficina clandestina de armas de fogo é fechada pela Polícia Civil
Próximo 20 anos sem Diana