Lady Di. Duas décadas da morte da princesa do povo


Morta há exatos 20 anos em um trágico acidente automobilístico, a princesa Diana ainda é considerada inigualável quando o assunto é carisma e elegância. Muito além da beleza e do sorriso afável, “a princesa do povo” envolveu-se em notáveis ações humanitárias e desempenhou um papel decisivo na modernização da família real britânica, conforme explicam especialistas ouvidos pelo R7.

Segundo o professor Estevão de Rezende Martins, especialista em história contemporânea e europeia da UnB (Universidade de Brasília), Diana ganhou a simpatia do público e um prestígio incomum principalmente por mostrar que os membros da monarquia também sofrem.

— Ela tinha uma juventude própria do século 20 que desconstruía um pouco o formalismo exacerbado da realeza. Além disso, era uma mulher muito bonita e muito ativa. Ela não tinha essa prioridade que os outros membros da família real têm que é de esconder os seus sentimentos sob uma máscara. Assim, se transformou em uma espécie de ‘xodó’ do público. O que ela fez, mais do que modernizar, foi humanizar a família real britânica.

Leia Mais

A morte de Marcelo Resende é fake news. Veja o vídeo do apresentador da Record

Poderosa, Anitta atua como empresária e aposta em MiKa

Previous Morar e reformar. Como se adaptar durante a obra?
Next 7 municípios de Sergipe estão sem água por causa de Vazamento na adutora