Mais de duas mil pessoas esperam por cirurgia em Aracaju


Aracaju foi uma das dez capitais a atender o pedido do Conselho Federal de Medicina que divulgou na sexta-feira, 1, que cerca de 900 mil brasileiros precisam fazer uma cirurgia no Sistema Único de Saúde (SUS), porém não conseguem. Cirurgias de catarata, hérnia, vesícula e varizes estão entre as mais demandadas pela população que depende da rede pública.

Na capital de Sergipe a fila de espera é de 2.013 pessoas, sendo que o primeiro da fila solicitou a cirurgia em 2016 e o procedimento mais demandado é o de hérnia inguinal. A Secretária de Saúde do Estado não declarou qual à soma das filas.

Os dados da análise realizada pelo Conselho Federal de Medicina foram obtidos junto as secretárias de saúde dos estados e das capitais brasileiras, por meio da Lei de Acesso à Informação. O resultado é apenas a soma de 16 estados e 10 capitais que responderam a solicitação do Conselho Federal de Medicina

Os pedidos de informações sobre as filas foram apresentados em junho deste ano a todos os 26 estados e Distrito Federal, além das capitais, por meio do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-SIC) dos governos estaduais e municipais – habitual caminho para que qualquer cidadão possa solicitar informações de caráter público via Lei de Acesso a Informações (Lei nº 12.527/2011).

 

Um dos votos que pode afetar candidatura de Lula já está pronto

Habeas Corpus de Ana Alves foi distribuído no TJSE

Anterior Greve geral acontece nesta terça
Próximo Justiça nega habeas corpus de Ana Alves