Juiz concede liminar e afasta direção do Hospital de Cirurgia


Na tarde desta terça-feira (06), o Juiz da 7ª Vara Cível de Aracaju, Aldo de Albuquerque Mello, acatou o pedido do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e determinou o afastamento dos membros da Mesa Administrativa da Fundação que administra o Hospital de Cirurgia.

Pela liminar concedida pelo juiz, Milton Souza de Santana (presidente), Gilberto dos Santos (1º Tesoureiro), Luciano Passos de Sousa (2º Tesoureiro) e José Augusto Santos da Silva (1º Secretário) devem se afastar imediatamente dos cargos e funções que exercem na Mesa Administrativa da Fundação Beneficente Hospital Cirurgia, Além de ficarem proibidos de exercer quaisquer outros cargos ou funções administrativas na fundação (FBHC).

Também na decisão de hoje, o juiz Aldo de Albuquerque nomeou Márcia de Oliveira Guimarães, que já se encontra na condição de co-gestora/Diretora Administrativa Financeira da FBHC para a função de Interventora Judicial pelo prazo inicial de 12 meses, podendo ser prorrogável.

Procurada pela equipe do CINFORM, a direção do hospital disse que ainda não foi notificada.

Anterior Grupo realiza bazar em prol de pacientes com câncer e pessoas com deficiência auditiva
Próximo Matadouros de Itabaianinha e Tobias Barreto são interditados após fiscalização