Sergipe passa a integrar Banco Nacional de Perfis Genéticos


(Foto: Pixabay)

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e da Polícia Federal, e a Secretaria da Segurança Pública (SSP/SE) firmam um acordo de cooperação técnica para adesão do Estado de Sergipe à Rede Integrada de Bancos de Perfis Genéticos (RIBGP).

O acordo permite que as unidades estaduais e federais cadastrem e compartilhem informações genéticas para subsidiar apurações criminais e identificações de pessoas desaparecidas.

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) e Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejuc) fazem as últimas tratativas para que peritos oficiais entrem nas unidades do sistema penitenciário para coletar material genético de presos condenados por crimes graves, como estupro, homicídios, latrocínios e outros. A primeira unidade será o Presídio Feminino. 

Previous Theresa May sofre derrota histórica no Parlamento britânico e pode perder cargo de Primeira Ministra
Next Fundat oferta vagas de emprego para pessoa com deficiência