Viciados em livros

Viciados em livros: 11 sinais de que você é um leitor compulsivo

Descubra se você está mais presente no mundo literário ou no mundo real.

Quando aprendemos a ler, uma gama de oportunidades, realidades e universos se abrem para nós.

Quem nunca quase bateu a cabeça no poste ou tropeçou num buraco enquanto lia algum anúncio nas ruas?

Há quem cultive esse amor para o resto da vida, tendo os livros como verdadeiros companheiros ou, ainda, como um refúgio para quando as coisas ficam pesadas demais, seja folheando as páginas ou comprando livros na Amazon para o Kindle.

Poesia, romance, graphic novels, literatura clássica, em outros idiomas, não importa o estilo, o verdadeiro leitor sempre estará com um livro, físico ou digital.

Você está se identificando? Seria você um leitor ou uma leitora compulsiva? Quer descobrir? Atente-se aos sinais a seguir e tire as conclusões por si só.

1. Você lê mais de um livro ao mesmo tempo

Não consegue acabar uma história antes de começar outra? Se interessa facilmente por outra história e acompanha ambas, como se fosse uma série?

Bom, esse é um sinal de leiturite compulsiva. Mas fique tranquilo: desse vício não tem para quê se curar. Só tome cuidado para não confundir as personagens.

A leitura ajuda a cabeça a se manter em atividade, deixando a imaginação e a criatividade mais férteis e melhorando a sua memória melhora, além de te ajudar a aprender um monte de novas palavras.

2. Você tem mais de uma edição do mesmo livro

“Nossa, olha essa capa dura!”, “Preciso dessa versão e-book para o meu kindle, vai que eu decido ler e não estou com ele na mão”, “Mas essa edição tem um comentário daquele autor que sou fã”; “Olha, essa edição vem com brindes”.

Já passou por alguma situação assim? Esse é mais um sinal de que você lê compulsivamente.

3. Já desmarcou um encontro para ficar lendo

Vida social para quê? Às vezes, os livros são as melhores companhias e não nos tiram do sério.

Sem contar todo o trâmite de sair de casa, se transportar, depois ficar cansado e ter de voltar para casa, sem contar o frio, a multidão e o som alto.

E aquele capítulo que você vai começar tem a grande virada do enredo e você não se aguenta de ansiedade em saber o que vai acontecer…

Você não está só. Que atire a primeira pedra quem nunca inventou uma dor de barriga só para ficar juntinho do seu livro.

4. Conta os dias para a Bienal do Livro e as feiras literárias

Em meio a tantas opções, descontos imperdíveis e encontros com autores, você se encontra. Quer te fazer feliz, chame para um evento que envolva livros. 

Você sai com um monte de marca-páginas, brindes e muito mais e se sente a pessoa mais realizada do universo.

5. Participa de clubes/rodas de leitura

Seus amigos mais próximos são os que fez no clube do livro. Você se segura para não ler a obra toda antes do dia do encontro.

Além disso, faz mil teorias na cabeça sobre como pode ser o desenrolar da história.

Nem adianta te chamar para outro evento no dia da reunião do grupo.

6. Não quer que chegue o fim da história

Você se apega tanto às personagens que não quer que a história acabe, mesmo querendo saber o final.

Vai lendo aos poucos para que demore mais tempo, adiando esse encontro com o fim da história.

7. Boa parte da sua renda vai para livros

Salário ou mesada caíram na conta e você já tem os livros certos que quer comprar.

Amazon Day? Black Friday? Promoções de editoras? Você está sempre por dentro para economizar.

A assinatura que você paga primeiro no mês é a do Kindle Unlimited, sem pestanejar.

8. É fã de booktubers e booktokers

Os perfis e canais que você segue nas redes sociais são de influenciadores que falam sobre livros. Você segue as editoras que mais ama e lê fanfics no Wattpad.

Na aba de explorar, tudo o que aparece são vídeos sobre livros. No YouTube, sinopses e indicações literárias.

É, você realmente ama ler.

9. Seu pet tem o nome de um personagem

Você amou tanto uma história, uma personagem ou um autor, que decidiu homenagear dando um nome relacionado ao seu animal de estimação.

Pandora, Dionísio, Gregório, Clarice, Cecília são ótimos nomes, inclusive.

10. Você não tem mais espaço para guardar livros

Há livros na estante, no quarto, na sala, na casa dos pais e você segue comprando outros mais.

As coisas melhoraram depois que comprou o Kindle e agora tem onde colocar os milhares de livros que quer ler.

11. Tem toc ao ver a estante bagunçada

Só você sabe a paz que sente ao arrumar as prateleiras, organizando por ordem alfabética, gênero literário, tamanho, cores ou autores.

Odeia que as pessoas mexam e tirem da ordem e passa horas admirando e ostentando sua estante.

Resultado do diagnóstico

Bom, se você se identificou com mais de 5 situações acima, tenho o prazer em dizer que você realmente é um leitor viciado.

Seja folheando as páginas e sentindo o cheiro do papel ou simplesmente lendo em seu Kindle em qualquer lugar, a leitura está em seu dia a dia e você sente um grande orgulho por ser assim.

Bom, que venham muitas histórias mais, então!